terça-feira, janeiro 19Notícias
Shadow

Homem é preso por estuprar filhos adotivos mais de 400 vezes, em Araquari

As três crianças eram ameaçadas com chicote feito com fio de eletricidade.

Um homem foi preso na tarde desta quarta-feira (15) pela Polícia Civil de Araquari, no Norte de Santa Catarina. Ele é acusado de estuprar os filhos adotivos, duas meninas e um menino.

De acordo com o delegado Tiago Escudeiro, os abusos teriam ocorrido até o final de 2019 e as denúncias chegaram à Polícia Civil no início de abril.

Ele explica que a companheira trabalhava fora de casa e o homem cuidava das crianças, período em que praticava os abusos. Os crimes ocorreram por cerca de um ano, até que uma das crianças denunciou o caso para uma tia, que avisou a mãe das crianças.

A investigação apontou, ainda, que as três eram ameaçadas com um chicote feito de fio de eletricidade.

Escudeiro ressalta que, assim que a mãe soube dos crimes, se separou e tirou as crianças de perto do acusado.

O homem foi preso e, em depoimento, negou os crimes. “Não confessou. Disse que não fez nada, que é inocente, mas parte do que ele disse confere com as informações dadas pelas crianças sobre a rotina deles”, conta o delegado.

Preso preventivamente, o homem foi indiciado por 418 estupros de vulnerável, dois estupros e dois crimes de satisfação da lascívia na presença de crianças. O delegado explica que o número de estupros pelos quais ele está sendo acusado foi calculado com base no tempo que os abusos duraram.

Os abusos foram praticados por cerca de um ano e, baseados no tempo que as crianças ficavam com ele e na quantidade de vezes que as crianças eram violadas por dia, tiramos esse número”, explicou.

O acusado foi encaminhado à UPA (Unidade Prisional Avançada) de São Francisco do Sul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *