quarta-feira, setembro 22Notícias
Shadow

Jogo dos milhões: Figueirense encara o Fluminense em busca da milionária Copa do Brasil

Furacão do Estreito joga no Rio de Janeiro por um empate já que na partida de ida, há mais de cinco meses, venceu os cariocas por 1 a 0; classificação à 4ª fase dá direito a uma bolada de R$2 milhões
O Figueirense entra em campo nesta terça-feira (25) em duelo contra o Fluminense, válido pela partida de volta da Copa do Brasil 2020, a partir das 21h30. O Furacão, que venceu o primeiro encontro, no longínquo 11 de março pelo placar de 1 a 0, dentro do estádio Orlando Scarpelli, joga por um empate para seguir vivo na milionária competição.

Ah, o futebol e todo o seu dinamismo. Há uma semana o Figueirense convivia com rumores sobre problemas financeiros e a dor de cabeça de ocupar a penúltima colocação na Série B 2020.
Menos de sete dias depois o clube, que já está na metade da tabela da Segundona, pode ser um dos classificados à quarta fase da Copa do Brasil. Mais que isso, com o direito de embolsar a bagatela de R$2 milhões.
Depois de eliminar o Grêmio Novorizontino na primeira fase, o Vitória-ES na segunda, o Furacão já acumulou quase R$1,2 mi em premiação. A meta, dessa forma, é duplicar esse valor e dar um significativo respiro para o combalido cofre alvinegro.

Márcio Coelho de volta
Depois de estar afastado do comando da equipe em virtude da Covid-19, o técnico Márcio Coelho voltou e trabalhou a frente do alvinegro na vitória sobre o Botafogo, em Ribeirão Preto (SP), pelo placar de 1 a 0.
Além dos respiro na tabela, o treinador salientou, em entrevista coletiva concedida após o jogo, a “volta da confiança”.
O grupo de atletas finalizou o trabalho na tarde desta segunda-feira (24) no CT da Gávea, estrutura do Flamengo. Márcio Coelho não deve ter mais problemas para montar o time do Figueirense. Brunetti, com desconforto, pode ser ausência na lateral-esquerda.

Matheus Neris, aprimorando a parte física em Florianópolis, está fora do confronto.

Fluminense com reforços
O técnico Odair Hellmann tem dois importantes reforços para o duelo de volta contra o Figueirense. O volante Hudson e o centroavante Fred, recuperados de problemas médicos, foram liberados e estão a disposição do Tricolor das Laranjeiras.
O Fluminense, que venceu no final de semana longe do Rio de Janeiro, vitória de 1 a 0 sobre o Athlético, em Curitiba, ainda terá os “reforços” de Evanílson, Nino e Nenê, todos poupados do confronto na Arena da Baixada.
O time da casa precisa reverter o placar de 1 a 0, construído em Florianópolis, gol do zagueiro Alemão. Em caso de repetição do placar ou vitória por um gol de diferença, a vaga será definida nos pênaltis.

Ficha técnica:
Fluminense
: Muriel; Igor Julião (Callegari), Nino, Luccas Calro e Egídio; Yuri Lima, Dodi e Yago Felipe; Nenê, Evanílson e Michel Araújo. Técnico: Odair Hellmann.
Figueirense: Sidão; Lucas, Alemão, Pereira e Sanchez; Geovane, Patrick (Elyeser) e Marquinho; Keké, Éverton Santos (Pedro Lucas) e Diego Gonçalves. Técnico: Márcio Coelho.
Local: estádio Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). Data: 25/08/20. Hora: 21h30

Arbitragem: Felipe Fernandes de Lima (MG); auxiliado por Guilherme Dias Camilo (MG) e Felipe Alan Costa (MG).

FONTE: ND MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *