quarta-feira, janeiro 27Notícias
Shadow

Marina de Itajaí é a primeira do Brasil a receber ISO 14.001

Após rigorosa auditoria, a Marina Itajaí se tornou o primeiro centro náutico turístico de atracação de barcos do Brasil a receber a certificação internacional ISO 14.001/2015 relacionado ao sistema de gestão ambiental.
O selo consiste em uma série de processos e práticas para identificar, controlar, administrar e reduzir os impactos ambientais em todas as operações do espaço.

Também padroniza ações para que estejam em conformidade com a política ambiental da empresa, a prevenção à poluição e o apoio ao desenvolvimento socioeconômico da região.
“Além do fortalecimento da cultura náutica, como um dos principais complexos náuticos do Brasil, nossa intenção é continuar crescendo, porém de maneira sólida, gradativa e sustentável. Essa certificação também é um reconhecimento à nossa postura, práticas sustentáveis e preocupação ecológica, tanto em relação à empresa como por seus colaboradores, clientes, fornecedores e a comunidade”, explica Carlos Gayoso de Oliveira, diretor da Marina Itajaí.

Além de fortalecer as medidas adotadas para controlar e reduzir os impactos ambientais, a padronização proposta pela certificação também promove a melhoria contínua dos processos operacionais. Ainda valida a gestão de política ambiental da marina que é, de acordo com o diretor:
“Capacitar e comprometer os colaboradores com as questões ambientais, além de envolver fornecedores, prestadores de serviços e clientes. Preservar o meio ambiente, identificar, controlar e monitorar os riscos, e promover a melhoria contínua dos processos e das ações com o objetivo de minimizar os impactos ambientais negativos”.

APOIO A EVENTOS E PRESERVAÇÃO AMBIENTAL
Desde o início das suas operações, a Marina Itajaí também foi importante aliada de eventos e projetos relacionados à sustentabilidade.
É o caso do Juntos Pelo Rio, evento organizado pelo município, por meio do Porto e do Semasa, que somente na última edição reuniu 1.200 voluntários e retirou cerca de 9 toneladas de resíduos do Rio Itajaí-Açú.

Em 2019, a marina também foi base para um projeto internacional que combate o impacto dos plásticos nos oceanos. A ação Corona X Parley teve o apoio de 37 voluntários para a retirada de lixo das águas e margens da foz do Rio Itajaí-Açú. Ao menos 8 barcos deram suporte na atividade que durou cerca de três horas e recolheu 790 quilos de resíduos, sendo 90% classificados como de origem plástica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *