terça-feira, abril 23Notícias
Shadow

Edifício brasileiro que possui a mais alta área habitada da América Latina é base para estudo inédito sobre clima

Estação meteorológica instalada no topo do YACHTHOUSE by Pininfarina avalia como a geometria urbana pode interferir nos efeitos climáticos

O YACHTHOUSE by Pininfarina, que possui a mais alta área habitada da América Latina, é base para um estudo inédito sobre o clima. Uma estação meteorológica está instalada no topo da torre 2 do empreendimento para avaliar de que forma a geometria urbana pode interferir nos efeitos climáticos. “Ninguém havia feito isso ainda em uma altura tão grande. Somente o YACHTHOUSE alcança o patamar para sabermos quais são as condições da atmosfera sobre a cidade”, explica o professor doutor do Departamento de Geociências da Universidade Federal de Santa Maria (RS), Cássio Arthur Wollmann. A previsão é que o estudo seja concluído em até dois anos.
Os pesquisadores procuram encontrar as relações entre a forma com que Balneário Camboriú cresce, e suas relações com a distribuição da temperatura do ar, eventos pluviométricos e o conforto térmico humano dos espaços abertos da cidade. A análise visa fazer ainda uma projeção de futuros cenários climáticos mundiais e seus possíveis impactos. A coleta de dados é realizada com aparelhos alimentados por energia solar. As informações são transmitidas on-line e podem ser conferidas pela equipe em qualquer lugar do mundo. “É um estudo ousado. Em geral, a esta altura, são feitas medições com drones, mas são avaliações pontuais. Como teremos coleta ininterrupta, então diria que é algo inédito”, acrescenta o professor.

Construtora que mantém foco na inovação e desenvolvimento constante do setor, a Pasqualotto&GT dá todo o suporte para a manutenção da estação meteorológica no local e para o desenvolvimento da pesquisa. “É uma satisfação poder apoiar um estudo tão essencial. Dados como estes que eles buscam são de suma importância, pois norteiam o desenvolvimento de futuros projetos e auxiliam no aperfeiçoamento de informações sobre as transformações urbanas”, afirma o presidente da construtora Pasqualotto&GT, Alcino Pasqualotto Neto.
O estudo é realizado pela Universidade Federal de Santa Maria (RS) em parceria com as universidades federais de Rondônia (RO), São Paulo (SP) e as internacionais Ruhr-University Bochum, da Alemanha, e a School of Property, Construction and Project Management – Royal Melbourne Institute of Technology, da Austrália.

Sobre a Pasqualotto&GT
A Pasqualotto&GT é a construtora de empreendimentos de luxo como o YACHTHOUSE by Pininfarina, com 81 andares e mais de 281 metros. Com vocação para edifícios verticais acima de 50 andares, também possui outros empreendimentos em parceria com a Pininfarina, como o Vitra, reconhecido na América e Europa como ícone da arquitetura internacional, e o La Città by Pininfarina.

Pasqualotto&GT
Site: www.pasqualottoegt.com.br;
Faceboook: www.facebook.com/pasqualottoegt;
Instagram: www.instagram.com/pasqualottoegt.

About Author