quarta-feira, junho 19Notícias
Shadow

Neste carnaval, cuide da sua saúde física e sexual

Boa alimentação com alimentos leves e ricos em água e manter os exames de saúde em dia são essenciais para curtir o feriado prolongado sem preocupações

A época mais festiva e cheia de folia do ano está chegando e muitas pessoas planejam aproveitar o carnaval com uma rotina intensa de desfiles, viagens, festas, entre outras atividades. Para evitar imprevistos e que as festividades acabem mais cedo, é necessário manter a saúde física e sexual. O período costuma ser marcado pelo calor intenso, por isso os cuidados com a hidratação devem ser redobrados. De acordo com o Dr. João Luiz Carneiro, médico clínico geral do Hospital VITA, é recomendável tomar, no mínimo, dois litros de água por dia.

Ingerir bebidas alcoólicas faz parte da rotina do feriado, mas elas podem causar desidratação. Em função disso, a orientação é evitar excessos e intercalá-los com água. Ainda de acordo com o médico, se a ressaca for inevitável, tome analgésicos para dor de cabeça e medicamentos para indisposição gastrointestinal, e claro, se beber, não dirija. Os cuidados com a alimentação também ajudam a manter o bom funcionamento do organismo.

“Para manter uma boa saúde no carnaval, é importante dar preferência a alimentos mais leves e ricos em água, como frutas, verduras e legumes e evitar alimentos de difícil digestão ou que são digeridos mais lentamente, como frituras e gorduras”, afirma Carneiro.

Ele ressalta a importância de dormir bem e ter intervalos de descanso para recompor as energias e evitar lesões. “Quem pretende pular muito durante o feriado também deve fazer alguns alongamentos antes, durante e após as festas. Durante as pausas, é bom levantar as pernas para aliviar dores e inchaços nas pernas e se hidratar para prevenir câimbras”, complementa.

Evite alimentos ultraprocessados e beba muita água

Segundo Jhonathan Andrade, nutricionista e professor do curso de Nutrição do UniCuritiba, é importante que as pessoas planejem quanto tempo ficarão fora de casa e como irão se alimentar para ter energia. Consumir alimentos do dia a dia e ter cuidado ao comer na rua é fundamental para evitar a contaminação alimentar, pois não há como saber a procedência dos produtos. Outra precaução diz respeito aos alimentos ultraprocessados, que aumentam a fadiga mais rapidamente.

“A festa é um período social e a gente não tem que ficar contando calorias. Porém, temos que ter parcimônia e equilíbrio, principalmente no consumo de álcool, pois piora muito a nossa saúde física e mental. Alguns alimentos que podem auxiliar na hidratação são o melão ou a melancia, e alguns líquidos como a água ou a água de coco. E quem é sedentário deve ter cuidado para respeitar os limites do próprio corpo”, explica.

O nutricionista também recomenda que para recuperar as energias e aguentar firme e com saúde os dias de comemoração do Carnaval, é recomendável fazer o consumo de carboidratos complexos e integrais, como aveia, pão integral, macarrão integral, além das verduras, legumes e frutas, como pera, maçã ou kiwi, por exemplo.

Prevenção e ISTs

Um dos assuntos mais comentados no carnaval são as Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs). Diariamente, surgem 1 milhão de novos casos de ISTs no mundo, e grande parte deles ocorre em pessoas de 15 a 49 anos, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). Entre as mais comuns estão a sífilis, doença do beijo (mononucleose), HPV, candidíase, gonorreia e a lista não para por aí. A prevenção ainda é o melhor remédio para curtir sem se preocupar.

Há algumas formas de prevenir ISTs, como explica a infectologista do Hospital VITA, Dra. Marta Fragoso. O preservativo ainda é uma das prevenções mais conhecidas e eficazes. Quando é usado corretamente, garante de 90 a 95% de prevenção contra doenças e gravidez indesejada. Antes ou após o carnaval, ou se houver algum sintoma, a recomendação é realizar exames laboratoriais.

“Os exames são importantes para detectar precocemente doenças silenciosas, o que pode ocorrer com várias ISTs assintomáticas. A sorologia para Sífilis e HIV são bons exemplos de exames importantes em cuidados com a saúde”, comenta a infectologista.

Se alguma infecção for constatada, a indicação é procurar um médico e iniciar rapidamente o tratamento. Entre os exames disponíveis, estão os de biologia molecular, como o Painel ISTs Plus e Painel IST Start, que garantem a detecção de 11 e sete patógenos, respectivamente, ou o Painel HPV, que detecta e realiza a genotipagem de 35 genótipos, todos realizados pelo laboratório ID8 – Inovação em Diagnóstico.

A realização de exames moleculares garante que o diagnóstico seja rápido e preciso, auxiliando na definição do melhor tratamento, além de prevenir a contaminação de mais pessoas.No caso das ISTs, que podem ser causadas por mais de 30 tipos de vírus, bactérias, fungos e protozoários que, apesar de serem curáveis, muitas vezes são assintomáticos. “Por geralmente as ISTs serem assintomáticas, a falta de um diagnóstico rápido e preciso leva a uma maior taxa de transmissão e possíveis complicações clínicas. O grande problema hoje nas infecções não reside nos casos sintomáticos, pois uma pessoa com sintomas pouco provável irá ter relações sexuais e irá procurar atendimento médico. Contudo, pessoas assintomáticas irão manter sua vida sexual ativa e, em caso de estarem infectados, podem transmitir aos seus parceiros ou parceiras”, afirma Rodrigo Chitolina, coordenador e responsável técnico do ID8 – Inovação em Diagnóstico.

O laboratório realiza os testes por meio de amostras clínicas ou moleculares, identificando até mesmo casos assintomáticos, e entrega resultados precisos em poucos dias após o recebimento da amostra.


Medicação incorreta pode aumentar resistência das bactérias

Nos Estados Unidos, foi registrado o primeiro caso de gonorreia resistente a antibióticos disponível para tratamento. Cada vez mais, infecções como a gonorreia estão se tornando mais difíceis de serem tratadas, o que é uma grande ameaça à saúde pública. Novamente, entra a importância de um diagnóstico ágil e certeiro, para que o tratamento adequado seja possível.

“A falta de um diagnóstico preciso leva a tratamentos empíricos, aumentando a possibilidade de seleção de organismos resistentes, o que pode dificultar ainda mais, no futuro, o tratamento de doenças que hoje são curáveis. Hoje nós temos os diagnósticos moleculares, os exames de PCR, que permitem detectar o patógeno mesmo antes do aparecimento dos sintomas, ou pacientes assintomáticos, o que evita complicações tardias, permite um tratamento cada vez mais direcionado e bloqueia a cadeia de transmissão. Dentro do ID8 nós ainda temos como diferencial que todos os resultados de exames de PCR são liberados em no máximo 24 horas. Dessa forma, os médicos tem em mãos um laudo diagnóstico que os permite direcionar ainda mais o tratamento de seus pacientes. Nesse cenário, os custos para o paciente diminuem, uma vez que com um laudo rápido e preciso o médico pode direcionar um melhor tratamento e medicamento”, complementa Chitolina.

Em 2016, a Sífilis foi reconhecida como epidemia no Brasil e, desde então, o número de casos aumenta a cada ano. Os sintomas iniciais da sífilis manifesta-se entre a segunda e a terceira semana após o contágio, como uma pequena ferida nos órgãos sexuais. Manchas vermelhas no corpo, principalmente nas palmas das mãos e plantas dos pés, são mais comuns. Febre, mal-estar e dor de cabeça também podem ocorrer.Caso sinta algum desses sintomas, procure atendimento médico e não mantenha relações sexuais. Se o diagnóstico for positivo para alguma IST, o início do tratamento deve ser imediato, e além disso, é necessário que a medicação seja tomada de forma correta e sem pausas. O tratamento incorreto pode fazer com que o corpo crie uma resistência à medicação.
           
Sobre o ID8

O ID8 é um laboratório de apoio focado no diagnóstico molecular com entrega rápida, oferecendo resultados em poucas horas após o recebimento da amostra, com um fluxo de trabalho operacional de sete dias da semana. Os serviços vão além do diagnóstico. Metodologias simples e ágeis que reduzem consideravelmente o tempo de entrega do resultado, possibilitando ao paciente a chance de um tratamento mais assertivo e direcionado. Saiba mais em: www.id8diagnostico.com.br.