terça-feira, abril 23Notícias
Shadow

Gerusa Schramm, a mãe campeã dentro e fora das piscinas

Conheça a história da recordista que trouxe para o esporte de Blumenau muito mais do que títulos e medalhas

            Gerusa Schramm nasceu em uma família de esportistas. Os pais foram chefes de escoteiro e incentivadores do esporte. Os dois irmãos mais velhos jogavam basquete e um deles defendeu Blumenau em campeonatos nacionais. Mas foi na natação que a medalhista encontrou seu lugar no esporte.  

            Mãe de três filhos, Bernardo, Vinicius e Catarina, Gerusa defendeu a cidade e o estado em diversos campeonatos na infância e juventude. Trouxe para Blumenau inúmeros troféus e medalhas de importantes competições. Foi recordista dos Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC), finalista do Troféu José Finkel e do Troféu Brasil (campeonatos brasileiros absolutos muito importantes no Brasil). Depois de anos fora das piscinas, Gerusa retornou aos campeonatos em 2019 e, em reconexão com sua essência de atleta, voltou a trazer conquistas para casa, dessa vez como campeã brasileira e sul-americana na categoria máster. E, fora das piscinas, Gerusa também conseguiu uma das maiores vitórias para a cidade.

            Seguindo os passos da mãe, Bernardo e Vinicius começaram a participar de campeonatos há dois anos. Com a necessidade de treinos de qualidade para as crianças, Gerusa se aliou a outras mães blumenauenses com propósitos parecidos. Com o networking adquirido ao longo da vida no universo da natação, buscou incentivo e apoio do Instituto César Cielo e iniciou em Blumenau a Associação Blumenauense Raia 4 (ABNR4). O projeto começou em março de 2021 e, no início, contava com 10 nadadores, entre crianças e adolescentes.

            Gerusa, que já tinha a natação como paixão, se tornou uma das maiores incentivadoras de crianças e jovens blumenauenses, que assim como ela buscam seu lugar no esporte. “Vejo a ABNR4 como uma grande oportunidade gerada para que crianças e adolescentes, de todos os níveis sociais, possam praticar a natação de forma organizada e dedicada. É um projeto gratuito e queremos que cresça ainda mais”, revela.

            Os treinos das turmas da associação acontecem na piscina do Clube Ipiranga, um dos mais tradicionais da cidade na prática do esporte aquático. “As crianças e jovens também têm a oportunidade de participar de competições, tudo com o incentivo e a chancela de um dos maiores nadadores do Brasil, o César Cielo”, detalha Gerusa. No momento, a associação atua com a capacidade máxima de nadadores, 65 alunos. No entanto, há uma meta para ampliar este número para 100 atletas ainda em 2023.

            Treinar e incentivar os mais a jovens a praticar natação. Esse é um dos principais propósitos de Gerusa, mas a mãe nadadora vai além. Formada em Farmácia, é instrutora de yoga e, em 2020, retornou às salas de aula, onde cursa Faculdade de Educação Física. A busca por superação ainda está longe de acabar. Afinal, um dos maiores desafios acontecerá em agosto de 2023, quando a nadadora irá representar o Brasil no Mundial Master de Natação (World Aquatics Masters Championships), na cidade de Fukuoka, no Japão. O evento, que é organizado pela Federação Internacional de Natação (World Aquatics), será realizado de 2 a 10 de agosto e deve receber competidores de 100 países do mundo.

Gerusa Schramm

About Author