quarta-feira, abril 24Notícias
Shadow

Instituto Rogério Rosa vai destinar R$ 300 mil para projetos sociais que gerem emprego e renda

Em 2023, quatro projetos sociais foram selecionados, receberam R$ 188 mil e impactaram a vida de 80 pessoas de Balneário Camboriú e Camboriú, em Santa Catarina. Para 2024, o investimento será 60% maior. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas até 19 de abril neste link https://bit.ly/3VrfpN3, onde também é possível acessar o edital. O resultado final será divulgado em 13 de maio.

Março, 2024 – Estudo feito pelo Instituto Rogério Rosa (IRR), organização sem fins lucrativos, responsável pela gestão, desenvolvimento e coordenação de investimentos socioambientais, culturais e esportivos, que tem como mantenedor o Grupo EMBRAED, constatou que 11 mil famílias das cidades catarinenses de Balneário Camboriú e Camboriú vivem com renda per capita inferior a ½ salário mínimo. Com base nessas informações, o IRR destinou em 2023 R$ 188 mil para projetos sociais com o objetivo de impulsionar a geração de emprego e renda. Para 2024, o investimento será de R$ 300 mil, 60% mais do que o ano anterior. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas até 19 de abril neste link https://bit.ly/3VrfpN3, onde também é possível acessar o edital. O resultado final será divulgado em 13 de maio.

“Sentimos que é nosso dever como Grupo Empresarial comprometido com a responsabilidade social, investir recursos para contribuir com o desenvolvimento sustentável das comunidades onde atuamos. A gratidão, valor que aprendi com meu pai, Rogério Rosa, desde pequena, é algo que levo adiante. Há cinco anos estamos comprometidos em colaborar com ideias inspiradoras e causar um impacto duradouro e significativo”, comentou a presidente do Grupo EMBRAED, Tatiana Rosa Cequinel, durante o evento desta segunda-feira (18), onde foi feito o lançamento do edital e apresentação dos resultados do IRR do ano anterior.

Em 2023, quatro projetos sociais foram selecionados e impactaram diretamente 80 pessoas de Balneário Camboriú e Camboriú. Por meio da entidade “Amor pra Down”, o IRR contribuiu para incluir profissionalmente 17 pessoas com síndrome de Down. Após o curso, a entidade firmou parceria para que os alunos trabalhem na recepção de eventos no Expocentro de Balneário Camboriú e com isso possam ingressar no mercado de trabalho.

Já a Organização “Fruto das Mãos” ensinou técnicas de reaproveitamento de jeans para mulheres, sendo que muitas iniciaram o curso sem saber costurar e ao final do programa produziram 10 modelos de peças cada para serem comercializadas. O projeto da “Ama Litoral SC” qualificou profissionalmente adolescentes, jovens e adultos com autismo por meio de um curso de estamparia. A “Fundação Pró Rim” contribuiu com a geração de renda de 30 mulheres oferecendo um curso de estética.
O edital de 2024, que já está com as inscrições abertas, também tem como foco projetos sociais de Balneário Camboriú e Camboriú que contribuam para a geração de emprego e renda. Com o aumento no valor do investimento, o objetivo do IRR é transformar a realidade de um número ainda maior de pessoas. Os projetos selecionados deverão executar suas propostas entre maio e dezembro de 2024.

“O IRR busca promover o desenvolvimento socioeconômico de pessoas em vulnerabilidade social através de projetos de capacitação, inserção no mercado de trabalho e empreendedorismo. Em 2024 o investimento do IRR quase dobrou e a meta é aumentar progressivamente. Em 2023 investimos em projetos essencialmente inclusivos que envolveram mulheres, pessoas com deficiência e jovens no espectro autista em atividades produtivas que revelaram talentos e possibilitaram experiências inéditas. A transformação aferida é muito gratificante”, comenta a coordenadora do IRR, Esther Fregossi.

Para se inscrever na seleção deste ano, as entidades devem possuir estatuto registrado, CNPJ ativo, entre outros documentos exigidos no edital, além de não ter vínculo com colaboradores e consultores do Grupo EMBRAED e do Instituto Rogério Rosa.

About Author